sexta-feira, 26 de novembro de 2010

a PreTo e BRanco!


a PreTo e BRanco!

Acho que sempre tive um talento para dar títulos as coisas, e este pequeno texto foi mais uma dessa coisa que foi bafejado por esse talento e lhe calhou em sorte este “a PreTo e BRanco”. Mas um título deve sempre ser uma chave para o conteúdo do que se lhe segue, e neste caso o é.
Meu estado de espírito, nestes dias de frio e chuva, com o sol há mistura… têm sido isso, ora pretos … ora brancos…

- Quais as razões? [perguntas]
Meu amigo … as razões queria eu saber … mas é difícil de entender a nossa mente, e esta enganado aquele que pensa conhecer sua mente como que da sua palma da mão se tratasse. O ser humano é assim, ate pode se querer enganar com uma coisa mas no fundo ele não consegue, e aquilo em que ele queria acreditar afinal se evapora e continua a ficar o vazio da incerteza… ou talvez não.

Talvez também eu saiba o porque, ou pelo menos consiga saber o rumo, o motivo, o caminho … para chegar mais perto das razões. Mas sinceramente não sei ao certo o que fazer para o evitar… evitar o preto e o branco destes últimos dias.
O rumo, o motivo, o caminho … passa pelos seguintes pensamento que inundam a minha mente:
- Porque a mim?
- Será isto tudo necessário? E estarei eu correcto?
- O que vou fazer?
- Vestido branco
- O amor
- Deus
- Arrependimento
- Dor
- Tristeza
- A minha vida (não digo toda mas uma parte especifica) teve algum sentido?

Estas palavras são muito motáveis e depende muito do momento em que foram escritas… se num momento preto ou num momento branco. Eu não queria escrever tantas… nem sei se elas têm valor, se são as mais correctas para quantificar e qualificar o que me passa na cabeça.

Gostaria de puder falar sobre isso … mas meus dias são solitários. A solidão é um estado em que uma pessoa se pode encontrar mesmo estando no meio de uma multidão, quando nela não esta um rosto que nos possa compreender e ajudar.

Tenho vivido o preto e o branco sozinho… como queria que me explicassem que o que acho certo é errado! E o que se faz agora para tudo isto desaparecer e puder voltar a uma vida alegre e despreocupada.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Alfabeto Beta! “D”


Desilusão, Desastre, Detesto, Desistir, Deixar, Doença, Desanimar
… é o Alfabeto Beta letra “D” de um Dia cinzento …
Destruição, Desapontar, Descorar, Desperdiçar, Dramatizar,
… Tudo D’s disto e daquilo … mas todos cinzentos …
Desconforto, Desconsertador, Descontente, Desobediente … e tantos … tantos outros “D”s cinzentos…
Um Desbrilho …

O cinza!!


Um dia alguém disse a meu respeito que invejava algo em mim … referia-se a capacidade transformar situações ruim em boas, de na tristeza inventar a alegria … falava que nos meus olhos transparecia um brilho contagiante … Hoje, o meu dia está cinzento, desmotivante, apático … triste! O dia sorriu com o céu limpo e um sol quente pelo meio do vento frio que se fez sentir, mas nele não consegui retirar a alegria para virar meu dia cinzento; o dia teve momentos de azafama profissional que em outros momentos me faziam despertar e ultrapassar desafios, pois gosto do que faço, mas hoje nem isso fez meu dia menos cinzento … agora que ele termina ainda mais cinzento … me sinto vazio … falta algo … Até uma ligeira indisposição hoje se abateu sobre o meu dia …

Assim decidi escrever o que sentia na tentativa, solitária, de minimizar este cinza … mas também n resultou … como será meu amanha?

Este cinza é o voltar de uma tristeza...

sábado, 9 de outubro de 2010

Alfabeto beta! “C”


Até que enfim a letra “C” … de Continuação, após um período de vazio.

Já sabem como isto é … se diz “C” de Casa de ferreiro espeto de pau, como quem fala em casa de quem lida com Computadores, que pelo sinal também leva “C”, deixou de actualizar seu blog.

Mas “C” é a letra de muitas mais Coisas, olha outro “C”, assim de repente lembro… “C” numa Cara linda, “C” de Casaco que tenho vestido, mas “C” de Croca … que para mim é muito mais que uma palavra esquisita que a vós pouco ou nada diz … Mas também não será aqui que vou revelar o que me diz esse “C” de Croca.

Existem também os “Cs” que só uma pessoa enteará, são eles o “C” de Coisinhas… e o “C” de Cosquinhas… :)

Tenho de terminar pois este “C” esta terminado por agora.

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

De volta!

De volta ao meu blog ... esteve parado durante alguns tempos ... mas eis que volto e com vontade de o tornar dinâmico! conto também com a ajuda dos internautas que por aqui passem.

Os temas que aqui irei desenvolver serão diversificados, sem esquecer um pouco a continuidade da ultima linha que tinha desenvolvido e que se vê nos últimos "post's" arquivados (já bem antiguinhos e cheios de teias de aranha).

Bem ao trabalho!! Até breve.

quarta-feira, 18 de abril de 2007

Alfabeto beta! "B"


Vamos ver mais um artigo desta série “Alfabeto beta!”.

E calha a este a letra “B”, “B” de barco que bem pode ser este [“B” de] blog que navega neste mar da informação que é a Internet; mas também “B” de batalha como aquelas que se travam pelo mundo fora e que na maioria dos casos não são soluções mas antes problemas; temos ainda “B” de belo, beleza e bonito como o mundo sem as [“B” de] bestas que o destroem; “B” de bailarina que [“B” de] baila num [“B” de] bailado e que faz muitos [“B” de] bater palmas de tão emotivo que foi esse momento artístico; por fim “B” de bebe que é aliás o que esta série do “Alfabeto [“B” de] beta!” é, pois ainda temos muitos mais artigos nesta série pela frente e ate o próximo fiquem com este “B” de basta e ponto final.

Terminei!

sexta-feira, 30 de março de 2007

Alfabeto beta! “A”


Hoje inicio uma nova rubrica do meu blog! Ou seja um novo tipo de texto que poderem ver aqui, não vou dizer qual o seu significado para que possais ir descobrir o seu significado, talvez nem eu saiba ao certo qual o seu significado. Mas uma coisa é certa, vai ser giro!

Começando…


“A” de Abertura, porque é uma abertura do que trato neste texto. “A” de Alturas pois o limite é o céu… que esta bem lá em cima. “A” de Antes, porque nunca será como dantes… “A” de Ateu, que é quem não acredita na utilidade disto tudo. “A” de Agora, que é o que dizes “… gora estou a perceber isto do Alfabeta ou Alfabeto beta…”. “A” de Assim, assim é que se fala, que é o que te digo em resposta. “A” de Abranda, porque é sempre bom abrandar um pouco para se saborear o momento melhor…



E SIGA COM ISTO PARA A FERENTE!


Pois então aqui vai… “A” de Andamento, andamento com isto para a frente… “A” de Arte, isto da escrita ate que é uma arte, mas é uma arte em que todos podemos ser artistas, desde que queiramos aprender e dedicarmos algum tempo a esta arte. “A” de Amanhã, sim pois amanhã temos outro dia e depois logo se faz mais um Alfabeto beta!


Gostaram, é interessante este pequeno jogo com as palavras, ate podemos passar horas a fazer isto sem dar pelo passar das horas, mas também não quero fazer disto excessivo, “…tudo se quer na exacta medida…” e “…o segredo esta em saber parar quando é tempo disso…” por isso PARAMOS AQUI.